Hora de arrumar as mochilas…

IMG-20150710-WA0004

Recebi esses dias esta imagem de um grupo de amigas no whatsapp, e o que pode parecer tao simples pra mim, é muito complexo para outras.
Acredite: arrumar a mochila, pode se tornar um pesadelo!

É até engraçado, uma vez que (especialmente nós mulheres) costumamos dizer “Que droga, não tenho roupa” mas quando vamos arrumar nossa mochila, parece mágica, visto que ela parece pequena demais para todas as ‘poucas roupas’ que queremos levar

Essa hora é até meio dramático, pois é agora que expectativas criam mais forças, afinal, cada roupa selecionada, você se imagina usando em uma situação da viagem. “Aquele lugar, aquela foto, com aquela pessoa“.
Ao mesmo tempo, é de uma enorme responsabilidade, pois é o que vai te acompanhar por um bom tempo durante o percurso.

Pensando nas minhas amigas e alguns leitores, resolvi escrever esse post com dicas na hora dessa atividade tao importante na viagem…

Seja, mochila, mala, bolsa, sacola, ou qualquer artificio que use para armazenar suas roupas e pertences pra viagem, saiba que o tamanho dela é importante, mas acima de tudo seu conteúdo, separei algumas dicas para que possa compreender e facilitar um pouco sua vida na hora de efetuar essa atividade.

Antes das dicas, quero dar ênfase que se acaso eu esquecer de alguma coisa, ou se você achar as informações aqui insuficientes/incompletas, é só me informar por qualquer um dos contatos, que atualizarei com a intenção de proporcionar o maior número de informações sobre isso aqui!

Enfim…

MALA / MOCHILA
Importante atentar-se sobre o limite de bagagem.
Para voos internacionais por exemplo, geralmente é de duas malas de 32kg com o direito de uma bagagem de mão de peso máximo de 5kg – mas não é uma regra, apenas uma base, já que a mesma varia de uma companhia para outra, portanto é sempre bom checar essa informação.
É aconselhável que líquidos sejam transportados nas malas. Caso queira transportar em sua bagagem de mão, líquidos em frascos acima de 100 ml não serão autorizados mesmo se o frasco estiver quase cheio.
Para demais detalhes sobre limitação a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) dá Dicas sobre bagagem – Anac.

Não se prenda tanto ao tamanho, pois parece meio obvio mas é fato: quanto maior sua mochila, mais coisas levará. Mais magico ainda, que por mais que você organize, retornando sempre faltará espaço. Portanto, a palavra é: otimize!!
E ah: eu amo bolsas/malas com vários bolsos e compartimentos, acredito que seja mais fácil de organizar minhas coisas.
Se você vai fazer o famoso “mochilão”, saiba que 100g faz uma enorme diferença nas costas, numa longa caminhada.

CLIMA
A primeira coisa que deve observar é: Qual é a media de temperatura do local que você vai visitar?
Obviamente que quanto mais próximo da viagem sabe-se com maior exatidão a temperatura, entretanto, em pesquisas simples na internet verifique se determinada região és verão/inverno, época de seca/chuva, enfim… com isso você já consegue ter uma noção do que levar.
Eu gosto muito do AccuWeather.com (PT) pois ele apresenta uma panorama do mundo em qualquer época do ano.

Saiba que alguns países usam unidades de temperatura diferentes, exemplo disso é o Brasil que usa ºC (Celsius) enquanto Estados Unidos usa ºF (Fahrenheit) , para conversão pode acessar o site Metric Conversions.
Ademais, em lugares frios demandam roupas mais volumosas e pesadas, fazendo jus uma mala maior, mas não necessariamente numa quantidade maior se comparada ao Verão.
Já em climas mais quentes, roupas leves e variadas são aconselháveis.

QUAL SERA O PROPOSITO DA VIAGEM?
Será uma viagem a trabalho, que carece de roupas mais sociais?
Você gosta do ambiente noturno, tipo baladas, bares, pubs?
Enfim… quais são suas intenções sociais para essa viagem?
Que tipo de roupa devo levar: Gravata, chinelo, calça, bermuda, meia…?
Pense nisso!

TEMPO
Quanto tempo você vai viajar? Dias, semanas, meses, anos?
A logica é simples, pois quanto mais tempo, maior a quantidade de roupas, logo maior a mala.
Mas se quer comprometer seu orçamento financeiro, veja a próxima dica (sobre compras)

OUTLETS / FREE SHOPS
Paraíso de consumidores, os free shops ou outlets é uma verdadeira perdição, já que são redes que vendem peças a baixo custo e consequentemente isso é um chamariz, pois comprar peças de marca num preço acessível, é de brilhar os olhos de qualquer um.
Portanto, caso esteja em seus planos comprar roupas, recomendável levar poucas peças de sua casa, mas uma mala maior de modo que possam preencher com as novas aquisições.
Divirta-se!

BEM ME QUER, MAL ME QUER
Considere levar roupas que possam dobrar o máximo de vezes e que não amasse. Essas roupas tendem ser de um tecido mais leve e consequentemente mais adaptável na mala.
Da mesma forma, as peças chaves, com estampas/cores mais neutras, possibilitando combinar com demais peças. Nessa hora, a praticidade vem em primeiro lugar
As mulheres tem sorte: vestidos! Em vez de levar uma calça e uma blusa, leve vestidos, pois a mesma torna-se única peça do dia.
Neste caso, mais é menos. Pratique o desapego, só leve o extremamente necessário. Aquela peça de roupa que você gosta muito, mas que está com cara de usada pode ficar em casa. Lembre-se que você terá que carregar sua mochila sozinha no aeroporto/rodoviária e pode correr o risco de pagar multa por excesso de bagagem – o que vai impactar consequentemente em seu orçamento. Atente-se as regras das companhias aéreas em relação ao peso permitido.
Tenha em mente o equilíbrio entre “Peso x Volume”, pois a peça pode ser pequena, mas é volumosa, vai ocupar bastante espaço. Em vez de você levar 2 peças de roupa, levará apenas 1, pois seu conteúdo comprometeu o concorrido espaço de sua mochila.
Se acaso estiver viajando com uma amiga, combine com ela de trocar peças entre vocês, isso também pode otimizar espaço.

LIMPEZA
“Repetir roupa” não é bicho de sete cabeças, mas estar com a mesma limpa – é primordial!!
Priorize roupas com cores mais escuras, para que “sujeiras” passem despercebidas. Ademais, cores como preto e azul-escuro tendem a combinar com tudo.
Alguns hostels/hotéis tem lavanderia a seus hospedes, uns cobram ou outros dão de cortesia, atente-se a esse detalhe.
Entretanto, para baratear, verifique a possibilidade de lava-las em alguma lavanderia vizinha, nos EUA por exemplo, há varias delas e é simples: uma moeda e um botão – é tudo que você precisa para roupas mais cheirosas e limpinhas.

TOALHA DE BANHO
Verifique se o local que você vai se hospedar oferece a toalha como cortesia, caso contrario há 2 dicas:
– Devido a mesma estar molhada/úmida, pode ser que faça volume em sua mochila e consequentemente apresente um cheiro desagradável para demais roupas, portanto, recomendo comprar alguma na região e descarta-la na sequencia (preferencialmente fazer uma doação).
– Mas também existem as toalhas que eu intitulo como ”salvadora da pátria” de um mochileiro, que são as Toalha Microfibra (também conhecida como “toalha de natação”)
Elas são impermeáveis, dobram com facilidade, não fazem volume e são feitas realmente para otimizar seu espaço. Basta ficar poucos minutos no sol (ou vento) para secar. Digo mais, se ainda quer aprimorar, pode ate mesmo comprar uma toalha de rosto e usar pro corpo, obviamente, vai economizar bastante espaço. Não vivo sem a minha e recomendo. Lojas como DecathlonCentauroNetshoes (dentre outras) vende aos montes.

ARMAZENAGEM
Hora de brincar de logística. Aquela regrinha de “PEPS” (primeiro que entra, primeiro que sai) ou “UEPS” (ultimo que entram primeiro que sai), faz sentido: priorize colocar as peças na ordem em que pretende utiliza-la.
Já pensou, você ter que desmanchar sua mala toda por causa de uma peça, logo aquela que você colocou la no fundo? Pois é…

O modo que você vai dobrar também é importante, especialmente porque pode aproveitar os espaços vagos e evitar que sejam amassadas. Em geral eu digo que:
– Sapatos vão nas laterais da mala e, dentro deles, qualquer coisa que caiba como luvas, meias, calcinhas, lenços, acessórios. Assim você economiza espaço novamente.
– Faça rolinhos com todas as peças que você irá levar. Geralmente para não amassar, as mais grossas e pesadas vão no fundo e mais leves e finas por cima.
– Pra evitar quebra, coloque as nécessaires e bolsinha de remédios por cima e as toalhas podem ir por cima de tudo, antes de passar o elástico, assim tudo se mantém no seu devido lugar.


Com as dicas acima é possível ter uma visão do que levar ou não.
Geralmente em viagens grandes, na semana anterior eu faço o “teste da mala”, ou seja, coloco sob a cama todas as roupas que pretendo levar, já sabendo que será de X dias, pegarei um clima Y e pretendo fazer Z coisa.

Separo por segmentos: blusa de frio, blusa de calor, blusa de festa, short, calça, sapato aberto, sapato fechado, vestido… e levo uma media de 2/3 peças de cada segmento (dependendo da quantidade de dias que estarei viajando), mas sempre em mente que as mesmas possam combinar entre si, que são fáceis de dobrar e não ocupam tanto espaço. (Mais, é menos!).

Feito isso, já consegue fazer um bom filtro e consequentemente arrumar a mala/mochila. É nessa hora que voce pode observar se precisa comprar (roupas, peças, acessórios, outra mochila), passar, lavar e assim sucessivamente, os chamados “detalhes finais” da viagem.
Mas se acaso conseguiu fechar e tudo que você quis levar está la: ótimo! Avence duas casas =D


Mas ainda não acabou, vamos as outras dicas:

CADEADOS
Seja Hostel, Camping, Homestay, Hotel, Pousada, enfim…qualquer que seja a modalidade de hospedagem, leve sempre cadeado em sua mala/mochila, isso evita ou dificulta que seja vandalizada. Alguns lugares tem o serviço de “locker” que são armários, mas ainda assim, vai demandar o uso do cadeado.
Usufrua, caso sua hospedagem utilize serviço de cofre e armazene coisas mais valiosas, como cartões, documentos e eletrônicos, objetos mais visados por “espertinhos”.

ELETRÔNICOS
Mulherada que não vive sem secador/chapinha atente-se na tensão elétrica de seus equipamentos e se o local de seu destino permite o uso, sem que possa comprometer seu funcionamento.
Para viagens no Brasil confira a tensão elétrica de tal lugar aqui: Tensões Nominais Secundárias por Município – ANEEL
Alguns países tem tomadas diferentes, mas pode comprar seus adaptadores. Veja aqui os tipos e tensões elétricas no mundo Electrical Outlet

IDENTIFICAÇÃO
Há diversos casos de malas que foram extraviadas, sempre bom colocar algum adereço para que possa identifica-la. Fitinhas, faixas, são recomendáveis para estilizar sua mala e não perder no aeroporto/ rodoviária. Etiqueta contendo seus contatos, também são apreciáveis.

FARMÁCIA
Dependendo do lugar que você vai viajar, especialmente se for outro pais e/ou um lugar mais isolado (como trilhas, ilhas) é aconselhável levar uma farmacinha básica, tais como, remédios pra dor muscular, resfriado, curativos, enjoo, enfim… qualquer remédio ou artefato que possa lhe deixar mais confortável caso sua saúde afete, afim de não estragar sua viagem e planos.
Remédios controlados devem conter prescrição medica (preferencialmente no idioma de seu destino).
Também, sempre gosto de levar a bula, de modo que caso eu perca e/ou acabe o Remédio X, posso encontrar um substituto, com base nas informações contidas ali.

Outra informação muito importante, é que determinados países exigem ou recomendam a vacinação para prevenção de determinada doença, para essa e outras informações verifique Lista de Centros de Orientação Para a Saúde do Viajante


Mas enfim… não existe segredo pra arrumar mala, eu não posso sair dizendo pra vocês algo como “Leve 10 blusas,4 calças,5 pares de meia …” porque isso é muito relativo e pessoal.
O que posso lhe dizer é : Separe uma pilha de roupas e diga ‘É isto que vou levar’. Olhe novamente e pense ‘Bom, essa roupa não está adequada, ou, essa roupa já está meio velhinha’, e assim você começa a retirar mais algumas coisas. Desapegue!
Parece clichê, mas faz todo sentido quando minha mãe diz: “Mais, é menos! Praticidade e Conforto!” . Estas são palavras-chave na hora da arrumação.

Espero ter ajudado…  agora é só passar o ziper, ser feliz e aproveitar a viagem!

Anúncios

3 comentários sobre “Hora de arrumar as mochilas…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s