Feliz Ano Novo

Confesso que não sou fã de fim de ano.

Não vejo muito sentido fazer pedidos na virada de um ano, em que nós mesmos arquitetamos, contudo, a transição de ano é uma maneira de fragmentar a vida em pequenas temporadas, e isso de certa forma é confortável.
É como falar pra si mesmo : “nesse ano não deu pra desencalhar, enriquecer, emagrecer e viajar como eu gostaria, porem depois da meia-noite tenho uma nova chance para recomeçar”.

Continuar lendo

Anúncios