Saia do Armário

“Queria ser um mosquitinho pra saber oq fulano fala de mim nas minhas costas”
Quem nunca ouviu ou desejou isso? Mas eu sei oq eles diriam : absolutamente nada.
Afinal, pessoa invisível não interessa. E se perceber bem, há diversos entre nós sem nenhuma mágica : são aqueles que possuem uma aparência neutra, sem defender suas ideias/direitos, com um comportamento padronizado.
Temos aqui uma ilusão de ótica com essa neutralidade: sumimos aos olhos alheios. Para ressurgir, uns colocam uma melancia na cabeça ou se cobrem de ouro, mas não precisa tanto alarde. Basta reconhecer, assumir seus interesses, lutar por um projeto de vida, ir contra a maré se for o caso, ter um nome a zelar e se livrar de qualquer humilhação, não seja um parasita, mas torne-se alguem que faça a diferença.

Todos nós temos que sair do armário e se tornar visível, bater no peito e dizer em alto-e bom-som “eu sou”, não importa o quê.

Anúncios